segunda-feira, 30 de julho de 2012

 

Por que os endereços de email possuem arrobas?

 
Conheça a história por trás da escolha do símbolo utilizado nos envios de emails.
 Por Renan Hamann em 30 de Julho de 2012
 
(Fonte da imagem: iStock)

Se existe algum em comum entre todos os endereços de email é a “arroba”. O símbolo foi introduzido na década de 1960 por Ray Tomlinson, para que as mensagens pudessem ser enviadas entre diferentes computadores. Antes disso, todas eram armazenadas em um mesmo dispositivo, sendo necessário que o destinatário também tivesse acesso àquela máquina para receber a “carta virtual”.
Com a “@”, que significa “at” (em, em inglês), as mensagens eram direcionadas para outros servidores. Até hoje isso funciona da mesma maneira. Quando você envia uma mensagem para alguém que tem um email “@hotmail.com”, está dizendo para o sistema que ele deve entrar em contato com os servidores do Hotmail – e o mesmo se aplica aos outros serviços.
Mas por que a escolha da arroba? Ray Tomlinson explicou ao Wired quais foram os motivos da escolha. Na ocasião, ele precisava de um símbolo que não fosse utilizado pelas pessoas e isso eliminava pontos, vírgulas e traços. Como o “@” é a único preposição existente no teclado, foi ela a escolhida. E desde então, todos os endereços de email trazem a arroba.

Fonte: Wired

Extraido de: http://www.tecmundo.com.br/

 
RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES
&
AUTOMAÇÃO COMERCIAL
AVENIDA ALMERINDO REHEM, 723
PROX. AO POSTO DO DÃO - CENTRO
EUCLIDES DA CUNHA - BA


FONES: (75) 3271-2192 / 9946-2720 / 9213-7312



ATENÇÃO VOCÊ QUE TEM VÍRUS QUE TRANSFORMA SEUS ARQUIVOS EM ATALHOS NO SEU PEN DRIVE TRAGA-O A RUBENS INOVATEC QUE RETIRAMOS RAPIDAMENTE E POR UM PREÇO ESPECIAL SEM A PERDA DE SEUS ARQUIVOS IMPORTANTES.

CONFIRA ESSES E OUTROS SERVIÇOS NA RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES & AUTOMAÇÃO COMERCIAL.

sexta-feira, 20 de julho de 2012

5 curiosidades sobre o Real

Por incrível que pareça, o Banco Central reconhece mais de 80 moedas no Brasil que complementam o real. Além disso, notas de R$ 1 podem valer hoje cem vezes o seu valor.

Por Felipe Arruda em 20 de Julho de 2012
Colecionadores chegam a pagar R$ 100 em nota de R$ 1 (Fonte da imagem: Reprodução/Mercado Livre)
Por mais que as máquinas de cartão estejam populares a ponto de serem encontradas facilmente em táxis e feiras livres, o real continua habitando os nossos bolsos e, recentemente, completou 18 anos de circulação.
Talvez você não saiba, mas hoje existem mais 81 moedas que complementam o real no Brasil. Além disso, colecionadores podem chegar a pagar até cem reais por uma única nota de R$ 1, desde que ela possua as qualidades e requisitos necessários. Confira essas e outras curiosidades na lista a seguir.

1. Nota de R$1 pode valer cem vezes mais

Por não ser mais fabricada e raramente vista em circulação, a antiga nota de R$ 1 pode chegar a valer até R$ 100 para colecionadores. A maioria delas, porém, acaba sendo comercializada por R$ 15 ou R$ 20, o que já é um ótimo lucro para o vendedor.

2. 150 milhões de notas de R$ 1 ainda circulam no Brasil

Encontrar uma nota de R$ 1 é tão raro que ela acabou ganhando um certo misticismo e, hoje, há quem prefira guardar essas cédulas na carteira, para dar sorte. Porém, engana-se quem acha que ela sumiu completamente do mercado: de acordo com dados do Banco Central (BC), existem mais de 150 milhões dessas notas em circulação no Brasil.

3. Frango: garoto-propaganda do Plano Real

Em 1994, era possível comprar um quilo de carne de frango ou 10 pãezinhos com uma nota de R$ 1. O frango chegou até mesmo a ser usado como garoto-propaganda do Plano Real, o que fez com que o consumo anual desse tipo de carne subisse de 14 kg para 40 kg por pessoa.

4. Brasil tem outras moedas além do Real

Não é só o real que circula pelo Brasil. De acordo com o UOL Economia, existem mais 81 moedas que complementam o nosso dinheiro e que são reconhecidas pelo Banco Central. Criadas por bancos comunitários para estimular a economia de algumas regiões, essas moedas sociais (ou alternativas) podem ser encontradas em estados como o Ceará, Piauí, São Paulo e Rio de Janeiro.
 
Sabiá, uma das muitas moedas sociais que circulam pelo Brasil (Fonte da imagem: UOL Economia)

No Ceará, por exemplo, é possível encontrar moedas como o Sabiá, Ibaré, Maracanã e Ita. Já no Piauí, os destaques ficam por conta das notas de Semear e Cocais, enquanto que no Jardim Filhos da Terra, em São Paulo, moradores fazem compra com a Apuanã. Em Silva Jardim, no RJ, o Capivari é a moeda social local.
De acordo com a matéria, os bancos comunitários do Brasil movimentaram cerca de R$ 10 milhões nos últimos 14 anos, sendo que R$ 400 mil foram na forma de moedas sociais.

5. Oito moedas diferentes em 50 anos

O Brasil trocou de moedas oito vezes em pouco mais de 50 anos. Depois de réis, cruzeiro, cruzeiro novo, cruzado, cruzado novo, novamente cruzeiro e cruzeiro real, o país finalmente adotou a moeda atual em 1º de julho de 1994. As notas mais modernas do real, lançadas em 2010, possuem tamanhos diferentes e diversas tecnologias que garantem a sua autenticidade.
Fonte: UOL Economia

Extraido: tecmundo.com.br
 
 
RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES
&
AUTOMAÇÃO COMERCIAL
AVENIDA ALMERINDO REHEM, 723
PROX. AO POSTO DO DÃO - CENTRO
EUCLIDES DA CUNHA - BA


FONES: (75) 3271-2192 / 9946-2720 / 9213-7312

APROVEITE AS GRANDES PROMOÇÕES DE ANIVERSÁRIO
VÁ A RUBENS INOVATEC E CONFIRA.

ATENÇÃO VOCÊ QUE TEM VÍRUS QUE TRANSFORMA SEUS ARQUIVOS EM ATALHOS NO SEU PEN DRIVE TRAGA-O A RUBENS INOVATEC QUE RETIRAMOS RAPIDAMENTE E POR UM PREÇO ESPECIAL SEM A PERDA DE SEUS ARQUIVOS IMPORTANTES.

CONFIRA ESSES E OUTROS SERVIÇOS NA RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES & AUTOMAÇÃO COMERCIAL.

terça-feira, 17 de julho de 2012

  Os 7 maiores mitos da tecnologia
 
 Pilha pode ser recarregada no freezer? Video game estraga a TV? Saiba a resposta para esses e outros mitos do mundo tecnológico. 
 
 Por Renan Hamann em 17 de Julho de 2012
 
Desde que somos pequenos, ouvimos muitas coisas que nos fazem crescer com medo de outras tantas – “engolir o chiclete faz o estômago colar”, por exemplo. E quando o assunto é tecnologia, isso também é verdade. Afinal de contas, qual avó nunca reclamou do video game por achar que ele poderia estragar a televisão da sala?
Hoje, reunimos alguns dos maiores mitos da tecnologia para dizer se eles são realmente verdadeiros ou se não passam de “histórias para boi dormir”. Fique atento, pois certamente você verá algo que alguém já lhe disse e você sempre duvidou se isso era real ou não.

1. Colocar a pilha no freezer pode recarregá-la?

Muitas pessoas têm o costume de colocar pilhas em refrigeradores e freezers para que elas sejam “recarregadas”. Mas a verdade é que isso é impossível de acontecer. “Tecmundo, eu juro que uma vez a bateria do controle remoto acabou e, depois de deixá-la no freezer, voltou a funcionar!”. Sim, nós sabemos que isso é verdade, mas o que aconteceu nesse caso não foi uma recarga, mas uma ativação de carga.
 
(Fonte da imagem: ThinkStock)

As pilhas possuem uma carga elétrica que é gerada por processos químicos dos elementos utilizados em sua composição. E as baixas temperaturas podem fazer com que os elementos presentes nas baterias consigam gerar a eletricidade necessária para mais alguns minutos de utilização – em aparelhos que exijam pouca corrente, como controles remotos.
O site LifeHacker afirma que a refrigeração das pilhas funciona muito mais para retardar a dissipação da carga do que como um gerador de corrente. Por essa razão, o armazenamento em freezers para pilhas não alcalinas é recomendado – uma vez que elas perdem uma quantidade significativa de carga todos os dias.

2. Mac e Linux não têm vírus

Por muitos anos, os usuários do Windows sofreram com as piadinhas daqueles que utilizam outros sistemas operacionais. Essas brincadeiras eram geralmente voltadas ao fato de “somente o sistema da Microsoft ter vírus”. Mas será que Mac e Linux realmente são invulneráveis a qualquer ameaça virtual?
 
(Fonte da imagem: ThinkStock)

Realmente, existem menos pragas para os outros sistemas, mas o motivo para isso é muito simples: criar um código malicioso que afete o Windows pode ser muito mais proveitoso para os crackers – justamente por haver muito mais chances de acertos, devido ao número de usuários do sistema. Mas à medida que os outros crescem, certamente a quantidade de vírus vai crescer também.
Um bom exemplo disso é o Flashback, que atingiu o Mac OS X há pouco tempo. Depois desse fato, até mesmo a Apple admitiu que o seu sistema operacional não seria invulnerável. Sistemas portáteis também não são perfeitos, por essa razão o Android observa a quantidade de malwares crescendo constantemente e até mesmo o iOS já viu suas primeiras ameaças.

3. CD pirata pode danificar o aparelho de som?

Um dos pontos que é preciso analisar antes de comprar uma mídia virgem (CD-R) é a cor dela. Você pode não saber, mas isso influencia diretamente na qualidade do material que está sendo utilizado – pois indica qual o elemento-base da composição. Os discos piratas geralmente são feitos de fito-halocianino, pois é o mais barato que se pode encontrar (quando não há disfarce da coloração, são esverdeados).
 
(Fonte da imagem: iStock)

E esse tipo de mídia apresenta menos densidade do que outras mais caras, por isso é comum que qualquer pequeno risco já faça um grande estrago na reprodução do áudio. Como informa o Clube do Hardware, discos de fito-halocianino são menos reflexivos do que os prateados, o que força os canhões de leitura a trabalhar acima da capacidade máxima e, dessa forma, reduz a vida útil deles.
Por essa razão, pode-se dizer que os CDs piratas são realmente prejudiciais aos aparelhos de som, mas desde que criados com compostos de baixa qualidade. O mesmo vale para discos de jogos e DVDs de filmes.

4. Video game estraga a televisão?

Isso é verdade e também é mito, depende de qual tipo de televisor estamos falando. Em 1985, o Nintendo Entertainment System (NES, também conhecido como Nintendinho) chegou aos Estados Unidos e foi o primeiro console a fazer um grande sucesso de vendas em todo o mundo. Naquela época, era comum que os jogos tivessem muitas imagens estáticas, principalmente os cenários.
 
Só mesmo as TVs de tubo sofriam com esse problema (Fonte da imagem: iStock)

Como os televisores utilizados no mesmo período eram de tubo CRT, com certa frequência era possível encontrar manchas nas telas (o chamado “burn-in”) após longas jornadas de jogatina. Mas o avanço dos video games fez com que isso fosse muito menos presente, devido principalmente à maior variedade de cores e movimentações nas partidas.
Vale dizer também que as televisões evoluíram. Com isso, a tecnologia utilizada parou de ser responsável por disparos de cátodos até o vidro e passou a ser composta por LCDs, LEDs e telas de plasma – estas últimas até sofrem com o burn-in, mas são mais facilmente corrigidas em casos de manchas.

5. Quantidade de memória é o que mais importa na placa de vídeo?

Alguns anos atrás, o que a maioria das pessoas queria saber na hora de comprar uma placa gráfica era: “Quantos MB de memória ela tem?”. O que parecia mais importante era exatamente isso, fazendo com que muitos pensassem apenas nessa especificação. O problema é que uma placa de vídeo com 1 GB de memória pode ser inferior a outra com 512 MB.
 
(Fonte da imagem: iStock)

Isso acontece por dois fatores principais: tipo de memória utilizada e também processador gráfico existente na placa. A memória GDDR5 é muito superior à DDR3, principalmente quando estamos falando de uma aceleradora gráfica. Além disso, também devem ser observados alguns detalhes, como largura de banda de memória e interface dela – pois isso deixará claro quanto pode ser transferido por segundo.
A GPU (Unidade de Processamento Gráfico, que é o processador da placa) também é vital para essa análise. De nada adianta uma placa de vídeo com 1 GB de memória se o clock de processamento e a arquitetura utilizada não forem suficientes para calcular todas as informações que o consumidor precisa. Para entender melhor o assunto, clique aqui e acesse o "Glossário das placas de vídeo".

6. Ímãs podem apagar os dados de unidades de armazenamento?

Há alguns anos, o Tecmundo preparou um artigo que desvendava o mito de que ímãs próximos aos discos rígidos poderiam apagar dados importantes. Ficou claro que era preciso de uma força magnética muito grande para que isso acontecesse, mas será que o mesmo pode ocorrer com CDs e outras mídias de armazenamento?
 
Completamente imune a ímãs (Fonte da imagem: iStock)
Como o eHow deixou bem claro, os dados não ficam gravados de forma magnética nos CDs e DVDs, ao contrário do que acontece com fitas VHS ou cassete – que são criadas com materiais magnéticos. Quando a dúvida chega aos pendrives, a influência também não existe. Qualquer tipo de memória Flash é imune aos ímãs, porque não existe nenhum magnetismo utilizado na produção delas.

7. Lasers e celulares podem derrubar aviões

Se você já viajou de avião, deve ter ouvido recomendações para desligar seu celular assim que as portas da aeronave fechadas. O principal motivo para isso, segundo a regulamentação da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), é evitar que o sinal dos aparelhos interfira no bom funcionamento dos equipamentos de navegação.
 
Não é uma boa hora para ligar e avisar que vai demorar (Fonte da imagem: iStock)

Um estudo da Boeing (uma das maiores fabricantes de aviões comerciais do mundo), colocou 16 aparelhos em uma aeronave (em solo) para determinar a influência deles nos equipamentos do avião. A conclusão foi que eles realmente fazem com que vários sinais diferentes sofram interferências, o que poderia ser prejudicial à segurança dos voos.
Quanto aos lasers apontados para os aviões, eles podem ser realmente perigosos, mas apenas se forem de muita potência e se estiverem apontados diretamente nos olhos do piloto, o que é quase impossível devido à distância e à angulação das aeronaves. Mesmo assim, há registros de casos em que pessoas atrapalharam pousos e decolagens utilizando este tipo de equipamento em solo.
.....
Viu como nem tudo o que falam por aí é verdade? Certamente você já havia escutado alguém falar alguns dos itens que citamos no texto. A partir de agora, sempre que você ouvir algo parecido com isso, já sabe como tirar a dúvida das pessoas.
Fontes: PC World, Tech Lore, eHow, Clube do Hardware, Life Hacker e Boeing
 
Extraido de: tecmundo.com.br
 
 
RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES
&
AUTOMAÇÃO COMERCIAL
AVENIDA ALMERINDO REHEM, 723
PROX. AO POSTO DO DÃO - CENTRO
EUCLIDES DA CUNHA - BA


FONES: (75) 3271-2192 / 9946-2720 / 9213-7312

APROVEITE AS GRANDES PROMOÇÕES DE ANIVERSÁRIO
VÁ A RUBENS INOVATEC E CONFIRA.

ATENÇÃO VOCÊ QUE TEM VÍRUS QUE TRANSFORMA SEUS ARQUIVOS EM ATALHOS NO SEU PEN DRIVE TRAGA-O A RUBENS INOVATEC QUE RETIRAMOS RAPIDAMENTE E POR UM PREÇO ESPECIAL SEM A PERDA DE SEUS ARQUIVOS IMPORTANTES.

CONFIRA ESSES E OUTROS SERVIÇOS NA RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES & AUTOMAÇÃO COMERCIAL.

quinta-feira, 12 de julho de 2012


Governo pode proibir vendas da TIM no Brasil

Aumento no número de reclamações e falta de investimentos seriam as principais causas da nova medida.
Por Wikerson Landim em 12 de Julho de 2012
O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, ameaçou nesta ontem (11) proibir a venda de novos planos de telefonia móvel da TIM em razão do aumento no índice de reclamações junto aos órgãos de defesa do consumidor. Além disso, segundo o ministro, a empresa precisa acelerar os investimentos em suas redes de forma que possa melhorar a qualidade do serviço em algumas regiões.
“Em seis ou sete estados os serviços da TIM estão muito aquém do ideal”, destacou Paulo Bernardo. “Ou a empresa investe e melhora o serviço ou vamos proibir a venda de novos planos”, completou. As declarações foram dadas durante um café da manhã do qual o ministro participou juntamente com membros da Confederação Nacional dos Jovens Empresários (Conaje).
Paulo Bernardo ressaltou ainda que vai sugerir que a empresa assine um termo de compromisso junto à Anatel. Por meio de nota oficial, a TIM informou não ter conhecimento de nenhum termo específico para assinatura e que o acompanhamento na prestação de serviços das operadoras é uma prática rotineira da agência.
“A TIM está à disposição do órgão regulador para tratar de eventuais deficiências suscetíveis à rede de uma operadora móvel”, comentou a empresa. O anúncio das possíveis sanções à operadora TIM fez com que as ações da empresa caíssem cerca de 6% na Bolsa de Valores.
Segunda maior empresa de telefonia do Brasil, a TIM tem apresentado falhas em diversos estados, mas a situação mais dramática ocorre na Paraíba, Alagoas, Piauí e Pernambuco. A operadora terá um prazo de 60 dias para reduzir em pelo menos 25% o número de reclamações.
Fonte: Info e Folha de S.Paulo


Extraido: tecmundo.com.br

RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES
&
AUTOMAÇÃO COMERCIAL
AVENIDA ALMERINDO REHEM, 723
PROX. AO POSTO DO DÃO - CENTRO
EUCLIDES DA CUNHA - BA


FONES: (75) 3271-2192 / 9946-2720 / 9213-7312

APROVEITE AS GRANDES PROMOÇÕES DE ANIVERSÁRIO
VÁ A RUBENS INOVATEC E CONFIRA.

ATENÇÃO VOCÊ QUE TEM VÍRUS QUE TRANSFORMA SEUS ARQUIVOS EM ATALHOS NO SEU PEN DRIVE TRAGA-O A RUBENS INOVATEC QUE RETIRAMOS RAPIDAMENTE E POR UM PREÇO ESPECIAL SEM A PERDA DE SEUS ARQUIVOS IMPORTANTES.

CONFIRA ESSES E OUTROS SERVIÇOS NA RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES & AUTOMAÇÃO COMERCIAL.

segunda-feira, 9 de julho de 2012


Você sabia que o quilograma está perdendo peso?

Bloco oficial de medição do sistema internacional está perdendo peso e pode atrapalhar a vida dos cientistas.
Por Renan Hamann em 9 de Julho de 2012
(Fonte da imagem: Reprodução/Metric Views)
Para que todo o mundo pudesse utilizar o sistema padronizado de medidas, os cientistas do Escritório Internacional de Pesos e Medidas criou vários padrões que passaram a ser seguidos em todo o planeta. Mas o que acontece quando os padrões começam a ficar distorcidos? Bem, a resposta mais óbvia é também a mais correta: toda a ciência pode entrar em colapso.
E, pelo visto, em breve algo parecido com isso vai acontecer. O bloco de medida do quilograma está perdendo peso. Quando foi criado, em 1879, a peça de platina e irídio possuía exatos 1.000 miligramas – ou seja, um quilograma. Mas, na pesagem mais recente do material, ele havia perdido cerca 0,05 miligramas – a medição aconteceu em 1988 e até hoje não há certeza sobre a causa.
Somente para deixar um pouco mais clara a importância do Escritório, veja como é definido o padrão do quilograma, pelo próprio site oficial: "O quilograma é uma unidade de massa; ele é igual à massa do protótipo internacional do quilograma".

Mas só 0,05 miligramas importam?

A verdade é que sim, realmente importam. Em todo o mundo já existem réplicas do padrão do quilograma, que realmente têm a massa de 1 kg exato, mas, caso o Escritório Internacional de Pesos e Medidas decida reformular todos os padrões, muita coisa será modificada no mundo da ciência. Você pode achar que isso é impossível, mas vale lembrar que, em 1983, o metro foi padronizado novamente e até mesmo a velocidade da luz foi alterada com isso.
Se o mesmo acontecer com o quilograma, várias outras medidas podem ser influenciadas. Por exemplo: os joules (unidades de energia e trabalho) são calculados de acordo com metros e quilogramas. Os candelas (que medem o brilho da luz) são calculados com relação a joules e segundos. Como você pode ver, a simples alteração do quilograma mudaria todos os padrões.
Ainda estamos muito longe de uma nova padronização. Os cientistas envolvidos no Escritório Internacional de Pesos e Medidas não pretendem modificar os sistemas tão cedo, mas buscam formas de criar padronizações que não sofram com o tempo. Quais serão os próximos passos da ciência em relação a isso? Ninguém sabe. Pelo menos por enquanto.
Fonte: Mental Floss


Extraido de:http://www.tecmundo.com.br/


RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES
&
AUTOMAÇÃO COMERCIAL
AVENIDA ALMERINDO REHEM, 723
PROX. AO POSTO DO DÃO - CENTRO
EUCLIDES DA CUNHA - BA


FONES: (75) 3271-2192 / 9946-2720 / 9213-7312

APROVEITE AS GRANDES PROMOÇÕES DE ANIVERSÁRIO
VÁ A RUBENS INOVATEC E CONFIRA.

ATENÇÃO VOCÊ QUE TEM VÍRUS QUE TRANSFORMA SEUS ARQUIVOS EM ATALHOS NO SEU PEN DRIVE TRAGA-O A RUBENS INOVATEC QUE RETIRAMOS RAPIDAMENTE E POR UM PREÇO ESPECIAL SEM A PERDA DE SEUS ARQUIVOS IMPORTANTES.

CONFIRA ESSES E OUTROS SERVIÇOS NA RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES & AUTOMAÇÃO COMERCIAL.

quinta-feira, 5 de julho de 2012


O que são máquinas virtuais?

Execute diversos sistemas operacionais dentro do seu computador sem precisar criar partições no disco rígido.

Por Roberto Hammerschmidt em 5 de Julho de 2012
Exemplo de máquina virtual: Windows XP rodando dentro de um Windows 7. (Fonte da imagem: Tkp News)
Uma máquina virtual é um software de ambiente computacional em que um sistema operacional ou programa pode ser instalado e executado. De maneira mais simplificada, podemos dizer que a máquina virtual funciona como um “computador dentro do computador”. Mas como isso pode ser feito?
Hoje em dia, criar uma máquina virtual é muito simples: basta apenas instalar um programa específico dentro do seu computador como qualquer outro. É dentro desse programa que você irá criar um disco rígido virtual e poderá executar um sistema operacional inteiro a partir dele.
Máquinas virtuais são extremamente úteis no dia a dia, pois permitem ao usuário rodar outros sistemas operacionais dentro de uma janela, tendo acesso a todos os softwares que precisa. Elas são usadas em diversos casos, como no lançamento de programas e SOs ainda em estágio de desenvolvimento. Dessa forma, você não se torna refém de aplicativos inacabados que podem apresentar diversos bugs.
A máquina virtual irá alocar, durante a execução de sistemas operacionais, uma quantidade definida de memória RAM. Ela normalmente emula um ambiente de computação física, mas requisições de CPU, memória, disco rígido, rede e outros recursos de hardware serão todos geridos por uma “camada de virtualização” que traduz essas solicitações para o hardware presente na máquina.
As máquinas virtuais são capazes de “enganar” os programas e sistemas operacionais, pois eles acreditam que estão sendo executados diretamente no hardware físico, e não dentro de uma simulação. Por isso, eles podem ser instalados da mesma forma que seriam dentro do sistema operacional.

Máquinas virtuais x reais

As máquinas virtuais podem proporcionar inúmeras vantagens sobre a instalação de sistemas operacionais e softwares diretamente no hardware físico. O isolamento, por exemplo, assegura que as aplicações e serviços que serão executados dentro de uma máquina virtual não poderão interferir no sistema operacional original e nem em outras máquinas virtuais.
Máquinas virtuais também podem ser facilmente deslocadas, copiadas e transferidas entre computadores para otimizar a utilização de recursos de hardware. Os administradores também podem tirar proveito de ambientes virtuais para realizar backups, fazer a recuperação de dados e implementações de tarefas básicas de administração do sistema.
Mas uma das principais vantagens da máquina virtual é poder testar diversos sistemas operacionais sem precisar particionar o HD. Dessa forma, você poderá instalar versões antigas do Windows, Linux, ou qualquer outro sistema sem fazer alterações no disco rígido.

Montando minha máquina virtual

Existem diversos programas que permitem que o seu computador execute sistemas operacionais através de uma máquina virtual. Um dos mais populares é o Microsoft Virtual PC. Outra opção bastante usada é o VirtualBox. Ambos os programas são gratuitos e fáceis de instalar e usar.
.....
Nota: o termo máquina virtual deste artigo se aplica a tecnologia de virtualização que cria ambientes independentes para serem usados pelos sistemas operacionais e aplicativos que são projetados para rodar diretamente no servidor ou hardware. Inúmeras outras tecnologias, tais como linguagens de programação e ambientes, também usam o mesmo conceito.


Extraido:http://www.tecmundo.com.br/

RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES
&
AUTOMAÇÃO COMERCIAL
AVENIDA ALMERINDO REHEM, 723
PROX. AO POSTO DO DÃO - CENTRO
EUCLIDES DA CUNHA - BA


FONES: (75) 3271-2192 / 9946-2720 / 9213-7312

APROVEITE AS GRANDES PROMOÇÕES DE ANIVERSÁRIO
VÁ A RUBENS INOVATEC E CONFIRA.

ATENÇÃO VOCÊ QUE TEM VÍRUS QUE TRANSFORMA SEUS ARQUIVOS EM ATALHOS NO SEU PEN DRIVE TRAGA-O A RUBENS INOVATEC QUE RETIRAMOS RAPIDAMENTE E POR UM PREÇO ESPECIAL SEM A PERDA DE SEUS ARQUIVOS IMPORTANTES.

CONFIRA ESSES E OUTROS SERVIÇOS NA RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES & AUTOMAÇÃO COMERCIAL.

quarta-feira, 4 de julho de 2012


Como baixar músicas de rádios online

Aprenda a copiar arquivos salvos no seu navegador para não precisar acessar a internet toda vez que você for ouvir a sua música preferida.
Por Rafael Gazzarrini em 3 de Julho de 2012
(Fonte da imagem: Shutterstock)
Hoje em dia, praticamente todas as rádios têm uma versão online, já que é muito desvantajoso ficar fora da internet. No entanto, acessá-las pelo computador pode ser maçante — pelo fato do caminho ser muito longo — e a conexão pode falhar, tornando difícil o ato de escutar uma música inteira.
Contudo, esta situação pode ser facilmente resolvida: basta realizar o download das suas músicas preferidas direto do seu navegador. Desse modo, você não vai precisar usar nenhum site que pode abrigar diversos vírus ou usar sistemas como o torrent.
Preste bem atenção, com os passos a seguir você vai poder colocar a sua playlist rapidamente em qualquer player da sua escolha!

Use o Firefox

Primeiramente, é necessário deixar bem claro que estas dicas só funcionarão se você tiver o navegador Firefox instalado no seu computador. Você pode realizar o download clicando aqui.
Assim que o browser da Raposa estiver instalado, acesse qualquer rádio online e escute as suas músicas preferidas. Assim que você já tiver ouvido todas as canções desejadas, feche a aba em que a rádio online estava conectada e abra outra. Nesta nova página, escreva “about:cache” no lugar do endereço do site — mas sem usar as aspas.
Com esse termo digitado, uma janela apresentando os caches salvos pela sua navegação na internet vai ser aberta.  A divisão do meio, chamada “Disk Cache Device”, tem um segmento intitulado de “Cache Directory”. Selecione e copie o link que está na frente desse segmento, como mostra a imagem abaixo.

Você está quase acabando

Está com o link “guardado” no Ctrl+V? Se sim, cole-o em qualquer outro navegador que você tiver instalado no computador e pressione a tecla Enter. Com isso, uma janela apresentando os seus caches vai abrir — todos eles organizados por data.
Vá aos caches da sua data atual e escolha os arquivos com tamanhos entre 3 MB e 6 MB, pois essas são as músicas escutadas por você. Assim que achar toda a sua lista, copie-a e cole-a na pasta que for da sua escolha. Lembre-se de escolher o formato mais adequado para o seu player, como o MP3, por exemplo.
Com todos os passos anteriores cumpridos, você vai ter todas as suas músicas no seu PC sem ter que acessar a internet para ouvi-las.


Extraido de:http://www.tecmundo.com.br

RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES
&
AUTOMAÇÃO COMERCIAL
AVENIDA ALMERINDO REHEM, 723
PROX. AO POSTO DO DÃO - CENTRO
EUCLIDES DA CUNHA - BA


FONES: (75) 3271-2192 / 9946-2720 / 9213-7312

APROVEITE AS GRANDES PROMOÇÕES DE ANIVERSÁRIO
VÁ A RUBENS INOVATEC E CONFIRA.

ATENÇÃO VOCÊ QUE TEM VÍRUS QUE TRANSFORMA SEUS ARQUIVOS EM ATALHOS NO SEU PEN DRIVE TRAGA-O A RUBENS INOVATEC QUE RETIRAMOS RAPIDAMENTE E POR UM PREÇO ESPECIAL SEM A PERDA DE SEUS ARQUIVOS IMPORTANTES.

CONFIRA ESSES E OUTROS SERVIÇOS NA RUBENS INOVATEC - MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES & AUTOMAÇÃO COMERCIAL.